Alguém que sabe

Alguém que sabe que é um nada frente ao todo do universo, e que se acha um quase nada frente ao quase todo do social, já é muita coisa frente ao nada que muitos são.
O universo existe com ou sem a minha presença, por isto ele é o todo, o social existe também sem a minha participação, mas o social não existe sem universo existindo primeiro, por isto o social é um quase tudo, enquanto eu, você, e todos necessitamos do universo, e do social, e assim somos um quase nada, um quase nada que é tudo para cada um individualmente, um quase nada que é um por ser muitos, e que é muitos sem deixar de ser um.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

Educação

Transgressões éticas

Carta de Richard Dawkins para sua filha, quando ela (Juliet) completou 10 anos

Empatia