Pouco me importa - mais me importa


Pouco me importa o que você pensa sobre mim, mais me importa o que você faz ou deixa de fazer pela humanidade.


Pouco ou quase nada me interesso pelo que sentes sobre mim, mais me importa perceber o que sentes pelos irmãos em espécie, principalmente pelos excluídos, oprimidos, explorados e pelos que sofrem de preconceitos.

Pouco, ou verdadeiramente nada me interessa sobre sua relação para comigo, muito mais me interessa sua relação, sua capacidade ou não de empatia, sua sensibilidade, ou sua humanidade para com os que sofrem dores físicas, psíquicas, ou sociais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros

Tales de Mileto

O que somos?