Minha maldade

Da mesma forma que uma criança encanta, a fome desencanta, a miséria desumaniza, e uma criança com fome em plena realização da miséria social, ofende e destrói qualquer humanidade, é um passo para a perda total do referencial humano e de sua autoestima, e finalmente faz destas crianças a prova viva de nossa maldade, de nosso desamor, e de nossa avareza, egoísmo e arrogância, de nosso descaso e inação, mas para muitos “somos” filhos de um deus e basta um pedido de perdão para que minha desumanidade seja varrida para debaixo do tapete... Talvez também por isto, não creia que ele exista.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

O sábio é um egoísta que deu certo

Nem sempre o verdadeiro há de ser real

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros