O inferno não existe e nem pode existir

O inferno não existe e nem pode existir, (é uma alegoria de nosso subjetivo, mas muito conveniente para o sistema), mas a maldade, a indiferença, o individualismo, e o descaso humano e social existem e são muito reais. 

O inferno não queima, mas o descaso humano destrói.

O inferno não arde, mas a maldade humana desumaniza.

O inferno não tem cheiro de enxofre, mas a indiferença e o individualismo traz consigo o sofrimento e o abandono a cada vez mais irmãos.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Educação

Recomeçar

Gostamos de exigir

Livre arbítrio