Responsáveis

Todos somos responsáveis por todos, Sartre repetia.

Somos todos responsáveis por tudo, diante de todos, repetia Dostoievsky.

Onde todos se respeitassem e se sentissem responsáveis por todos, cada um seria mais livre na liberdade envelopada pelo direito dos demais, e a humanidade poderia ser existencialmente e verdadeiramente social, digo eu. “Todos deveríamos ser responsáveis por todos.”, e “Todos deveríamos ser responsáveis por tudo, diante de todos.”

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros

Somos tão sapiens