Somos

Somos o reflexo do que pensamos, e pensamos como reflexo do que somos. Natureza e criação, origem e transformação, criatura criando-se conforme vive a criação que experimenta. Graças a plasticidade de nosso circuito neural, por um feedback de retroalimentação positiva, reforçamos, ajustamos ou transformamos o nosso ser, pelo que realizamos e pelo que pensamos, além de, em paralelo, reformularmos o que pensamos baseado no que somos, novos e diferentes a cada novo instante.
Em outras palavras, somos seres em eterna transformação mental, onde ao nos deitarmos para dormir já somos mentalmente diferentes do quando acordamos, e seremos diferentes de novo ao acordarmos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

Educação

Transgressões éticas

Carta de Richard Dawkins para sua filha, quando ela (Juliet) completou 10 anos

Empatia