Toda atenção é pouca pois pode o preconceito agir nas entranhas inconsciente do que sou


Toda atenção é pouca, pois posso inconscientemente praticar os mesmos preconceitos que tento fazer desaparecer na sociedade.

Todo cuidado é pouco, pois posso de maneira sorrateira e disfarçada sujar minha humanidade com os mesmos preconceitos que me revoltam na sociedade.

Toda prudência pode ser pouca, pois posso frente ao que não sei que sou, ser o que não gostaria de ser, em relação aos preconceitos que busco destruir na sociedade.


O que importa neste caso, não é o que realmente seja, mas sim que todo preconceito é desumano e repugnante frente a unicidade social que deveríamos buscar. O que importa neste caso é que não devo desistir jamais de lutar, horas barulhentamente, horas silenciosamente, contra todo e qualquer sentimento de preconceito, contra toda e qualquer ação preconceituosa, contra toda e qualquer inação que abra portas para qualquer preconceito.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros

Tales de Mileto

O que somos?