Viver é desafiar a morte

Viver é desafiar a morte, não para vencê-la, o que é impossível, não para provocá-la, o que não leva a lugar algum, não para nos expor a ela, o que não é necessário pois somos naturalmente mortais, mas é um desafiar a morte para enquanto vivos sermos úteis à humanidade, e dignificarmos a vida como algo mais belo e maravilhoso.

Viver é ter a ousadia de realizar nossa existência com grandeza humana, e dignidade social.


Viver é saber que estaremos sempre cada vez mais próximos de nossa morte, e por isto mesmo estaremos sempre e cada vez mais devedores socialmente pelo nosso viver.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Educação

Gostamos de exigir

Recomeçar

Livre arbítrio