O Amor

O Amor por um amigo só não é maior do que o amor por um filho. Agora imagina o amor por um filho que conseguimos construir laços de sinceras e verdadeira amizade. 

Se fosse possível descrever o que o amor é, descrever o sentimento por um filho do qual nos tornamos amigos deve ser o que mais bem próximo a esta descrição possamos chegar.


Mas o amor tem muitas facetas, e o amor pelo desconhecido, pelos que sofrem, pelos que conosco não comungam em nossas crenças pode não ser o maior, mas ainda o creio o mais belo e interessante, independente de quantos filhos tenhamos, pois que a estes, nossa biologia já ajuda muito, e em relação a aqueles, depende de nossa vontade, e de nosso compromisso em sua construção.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

O sábio é um egoísta que deu certo

Nem sempre o verdadeiro há de ser real

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros