Gostaria

Pessoalmente, gostaria de ser conhecido muito menos pelo que falo ou escrevo, e muito mais pelo que sou, pelo que construo, pelo que transformo, pelo que faço e pelo que deixo de obras e exemplos. Falar é muito mais fácil do que fazer, escrever é muito mais fácil do que viver, falar e escrever é muito mais simples do que se expor fisicamente, de corpo e alma, de mente e espírito mental, na luta frontal por uma sociedade mais humana, mais justa, e mais social, até que um dia consigamos uma sociedade onde a inclusão social não será necessária simplesmente porque não haverá excluídos, simplesmente porque todos seremos um.


Gostaria que lembrassem de meus textos pela força que possam ter em fazer as pessoas repensarem seus princípios e seus ideais (mesmo que não possuam a força e a beleza para transformar suas mentes e seus corações, mas se conseguirem fazer com que repensem seus valores e princípios já valeu a pena tê-los escrito), mas que lembrassem principalmente de meus textos pela aderência destes a forma de viver que tenha conseguido levar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros

O que somos?

Libertário não significa desordem e nem aceitar as justificativas meramente liberais, não obstante em alguns pontos, meu ideal libertário e alguns princípios liberais se sobreporem