Finjo-me inteligente

Finjo-me "inteligente" para enganar os "tolos", uma vez que estou longe de ser verdadeiramente  "inteligente", pois que se o fosse, me fingiria de "tolo" para os "tolos", para me chegar até eles e ajudá-los a crescerem no que me fosse possível, e seria eu mesmo, com minhas limitações e dúvidas junto aos que se dizem ou são tidos como "inteligentes", para poder ou aprender com alguns deles, ou a outros desmascará-los em sua hipocrisia, presunção, prepotência, egoísmo, ganância, e vaidade. "


#ateuracional

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

Não creio que exista alguma lei do retorno

Não perca tempo tentando provar que você é uma boa pessoa

Carta de Richard Dawkins para sua filha, quando ela (Juliet) completou 10 anos

Educação