O universo é

Independentemente do que eu ache, pense ou queira, independente do que espere ou deseje, contra ou a favor dos meus planos, sonhos, esperanças ou desejos, o universo “age” e “reage”,  se faz a si mesmo, se transformando, e se transforma porque se faz, realizando seu existir, sempre como ele mesmo é, como pode ser ou como poderia ser, só podendo vir a ser o que ele realmente é, e se transformando porque realiza o que é sem deixar de poder ser dentre tão somente as opções prováveis e cabíveis de ser.

O universo é por si só objeto e razão de si mesmo, sendo objeto e agente de sua transformação, sem abrir mão de sempre ser o que ele é, dentre o que ele pode naturalmente ser.

Tenho ação neste existir? Sim. Sou agente, sou ator e também reflexo, sou causa e efeito, sou inércia e sou calor, ao mesmo tempo em que quase nada sou. Sou, sendo, e sendo não deixo de ser transformador e mera transformação. Entretanto, somente posso agir como elo transformador, transformando-me pela simples transformação do que é possível e do que é permitido me transformar, desconstruindo em mim a construção do que me pode reconstruir. Como também o universo é confinado pela liberdade dos plausíveis universais, dentro do escopo dos possíveis, ou dos prováveis estados do presente que pode somente assim vir a ser, podendo ser apenas e tão somente aquilo que o atual, e real, status permite ser ou vir a ser, no exato momento da ação e da transformação que é por assim existir, sempre o eterno momento presente, sou assim também, sendo natureza confinado ao que me possibilita ser esta própria natureza. O que deve ficar claramente marcado é que o meu poder de transformação é limitado, é circunscrito ao que o próprio universo é e pode ser, pois que ele, o universo existe sem que eu precise aqui estar, mas ao contrário eu somente posso existir pela plena existência do universo sendo o que é.


O universo marcha continuamente, dinâmico em sua transformação, sem jamais abrir mão de ser o que realmente é, dentro do que pode ser, sendo, existindo, perpetuando-se e transformando-se sem deixar de ser o que sempre, pela eternidade do presente, foi, é, ou será.


#ateuracional
#ateuracionalelivrepensar

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

O sábio é um egoísta que deu certo

Nem sempre o verdadeiro há de ser real

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros