É triste

É triste perceber que alguns de nós não mais nos surpreendemos com a miséria e o abandono social, e muito triste também é perceber ou saber que nós mesmos, ao longo do tempo, temos nossa sensibilidade à dor e ao sofrimento alheio diminuída, em uma espécie de crescente adormecimento desta sensibilidade, mesmo quando o sofrimento, o abandono, e a miséria, estejam cada vez mais próximos a nós, à nossa vizinhança, ou pelas ruas que passamos, a um passo de nosso alcance. Mais triste ainda é nos iludir de que não sendo nossa responsabilidade, nada precisamos fazer para mudar a situação, que é obrigação do “estado”, nos esquecendo que o estado somos nós. E para piorar a tristeza, mais revoltante ainda me é perceber a capacidade de alguns de acabar culpando o próprio miserável e o abandonado, pela sua própria miséria e pelo seu estado de abandono em que se encontra.  


#ateu
#ateuracional
#livrepensar
#ateuracionalelivrepensar
ateu
Sou um ateu racional e um livre pensador, ou melhor, eu sou um ateu que tenta ser (que se compromete a ser) racional e livre pensador.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

O que somos?

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros

Uma breve história, da semelhança à genética, e como a igreja se usou desta visão