Negar a existência de deus não é negar a existência de qualidades e virtudes naturalmente humanas e sociais

Entendo no mínimo curioso como muitos, não todos é verdade, dos que acreditam em um deus teísta, abraâmico, cristão, ao darem a ele uma série de predicados, qualidades e características, que são em sua maioria, antropocêntricas, antropomórficas, humanamente perfeitas, se apegam a crer que estas “qualidades” quando presentes em nós humanos, decorrem exclusivamente deste deus. Este grupo de pessoas chega ao cúmulo de misturar como uma única entidade, o sujeito e os predicados, e desta forma aceitam e defendem, erroneamente, que negar a existência da deidade, de qualquer deidade em si, sendo ateu ou irreligioso, seria também negar o valor daquelas qualidades, daqueles predicados e daquelas características (o objeto sujeito, pode ou não possuir os predicados, as qualidade e as características, o sujeito tem existência própria, entretanto, em si, cada qualidade, cada característica, cada predicado é uma possibilidade independente de um sujeito qualquer pois que tem por objeto a substantivação de seu próprio valor percebido e praticado por um sujeito, a saber, da qualidade, das características e dos predicados individuais, tendo assim sua objetivação própria, independente a um sujeito em especial). Um ateu natural não nega as possíveis qualidades ditas existentes em um hipotético deus, nega simplesmente a existência daquele deus, o que é muito diferente. É como se ao negarmos a existência do sujeito, negássemos também a existência das virtudes, das qualidades, dos predicados e das características naturalmente humanas e/ou sociais, que são elas todas bem vistas, e na maioria dos casos defendidas por ateus, a menos é claro das características que levem ou possam levar a exclusões, a opressões, a segregações, a irracionalidades, ao falseamento de verdades, ao fanatismo, ao fundamentalismo, a uma liberdade irresponsável ou a perda da liberdade em si, a desumanidades sociais, ou ao desrespeito ao natural e a natureza como um todo.




#ateu
#ateuracional
#livrepensar
#ateuracionalelivrepensar
ateu
ateu racional ateuracional
livre pensar   livre pensador   livre pensadores

Sou um ateu racional e um livre pensador, ou melhor, eu sou um ateu que tenta ser (que se compromete a ser) racional e livre pensador.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

O que somos?

O sábio é um egoísta que deu certo

Tales de Mileto