Um pouco de mim 6 – Coletânea de microtextos publicados inicialmente por mim nas redes


De pouco ou nada adianta tentar mostrar o nós e o nosso, para alguém que cercou-se arrogante e envaidecidamente de eus e de meus.

----

Se não formos honestamente livres, libertos, independentes, competentes, sérios, críticos e idôneos no “como” pensamos, na forma como nos colocamos a pensar, de nada adianta tentar ser livre pensador no “que” pensamos. O bem pensar depende diretamente do como pensamos.

----

Parafraseando Weber "os ricos e felizes não querem apenas ser ricos e felizes, mas também ter o 'direito' de ser ricos e felizes". E acrescento eu, precisam legitimar o direito a riqueza e a felicidade...

----

Você sabe o que pode estar um passo a frente do medo? O que pode estar alem de sua área de conforto? Não. Eu também não, mas eu sei que com medo de dar este passo a mais, você, eu, ou qualquer outro nunca vai saber...

----

Amar não é pertencer a ninguém. Não é ser de ninguém, como não é também ter ou desejar a posse de ninguém. Amar é liberdade compromissada e responsável. O amor não é posse, nem troca é, é íntegra doação, mas nunca uma doação física, de posse ou de entrega total, é doação de compromisso, de afeto, de soma, de amizade, de apreço, de respeito, de consideração, de estima, e de pleno bem querer, é uma espécie de doação que soma, de resultado algo simbiótico e sempre plural e sinérgica. Amar não é endividar-se, mesmo sendo doação, é em verdade enriquecer-se. Amar é uma construção, onde se acumula enquanto se dá e onde se completa enquanto se doa. Amar não é só falar, não é apenas um termo, é sentimento, é emoção, é razão, é opção e vontade, é enfim se pôr a caminhar não ajuntando ou acumulando nada, mas sim distribuindo, dividindo, doando e construindo... Amar, o que tem de fácil de falar, tem de difícil de realmente praticar...

-----

A intelectualidade brasileira não é cega e nem é “burra”, muitos de nossos intelectuais, na verdade estão cegos, se fazem de cegos, pois que têm um lado, e não é a razão, a critica sincera, a análise honesta que muitas vezes lhes fala alto, representam e servem de justificativa para um lado, muitos deles assim são coniventes e interesseiros, por isso se fazem de cegos... 

----

Acreditar que algo difícil ou improvável é possível é um bom começo, mas acreditar que tudo é possível, é pura loucura, é total desconexão com a realidade...

----

Apesar de não ser responsável pelo que você entendeu do que eu falei, sou responsável sim, pelo alcance do que falei, por buscar o máximo de coerência, assertividade, e exatidão, no que falei, e por tentar perceber (quando possível) se você entendeu o que falei (o feedback é sempre uma boa estratégia). Não sou responsável, aí sim, por convencer, simplesmente porque para alguns não existem argumentação, coerência, lógica, racionalidade (quando possível), criticidade, evidências ou práticas, que mudem suas opiniões, pois que estão totalmente doutrinados a acreditarem somente no que desejam, no que lhes interessa, no que acreditam do que deveria ser ao invés do que é, ou no que lhes afirmam falaciosos "especialistas" e "autoridades do saber" ou mesmo porque lhes é referendado por livros sagrados ou revelações...

----

Desejo ser livre, mas com certeza posso ser liberto...

----

Pode o poderoso poder, poder tudo? 
Claro que não. Cada um de nós pode parecer pouco frente ao poder que acha que tudo pode, mas juntos, unidos, misturados, diversos sim, dispersos não, somos mais que aquele poder que oprime, domestica, direciona, impõe ...

----

Eu dou ouvido aos mais velhos (li isso em algum lugar). Eu gosto de ouvi-los. Eu sou fã de carteirinha dos mais antigos. Eu ouço Deep Purple, Black Sabath, Led Zeppeling, Robin Trower, Yes, ELP e por aí vai...

Ahhh! Você imaginava que estivesse eu falando de pessoas mais velhas, como se fosse absorver conhecimentos. Hummmm! Talvez você não goste de ouvir o que vou falar. Para mim idade nunca foi e nunca será reflexo, garantia, ou sinônimo de experiência ou sabedoria alguma. Dou meus ouvidos, minha mente, e meus sentidos, a aqueles que entenda terem algo de bom a falar, ou que tenham exemplos bons a seguir, ou que tenham obras que valem a pena conhecer, ou mesmo que tenham escrito algo de algum saber. Sejam novos, jovens, meia idade, ou mais velhos, são a estes que dou meus ouvidos. Pessoas mais velhas merecem respeito? Sim, claro que sim. Mas o respeito não é pela idade, e sim porque são pessoas, e merecem mais do que respeito, merecem ajuda se necessitarem, merecem carinho, mas o merecem porque são pessoas, e não porque são de mais idade, como merecem tudo isto, também os pequeninos, os jovens, enfim, todos e qualquer um, a menos dos desumanos, que sinceramente, não merecem muita coisa não.

Mais uma vez, sinto que muitos discordarão, mas solicito apenas que tentem entender o que falarei. Pessoas mais velhas, ou mesmo pais, mães e etc, merecem o respeito por serem pessoas, e mais ainda pelo que são e pelo que foram, pelo que fazem ou fizeram, pelo que lutam ou lutaram, pelo que se expõem ou se expuseram pelo bem comum, humano e social, e nunca somente por serem mais velhas, pais ou mães...

----

O fato de amar profundamente a vida, a essência biológica da vida, e o meu viver, no caso a essência mental da vida, não significa que nela não sofrerei. É claro que sofrerei, significa sim, muito mais, que sem ela, sem a vida, não sofreria mas também não descobriria a beleza de momentos felizes, não descobriria a emoção e o sentimento de ousar vivê-la, não descobriria amores, amigos, filhos, esposa e o sentido de família, a beleza da natureza, e o espanto de sempre ter mais o que conhecer do mundo natural, e de me surpreender pelo quase infinito do que falta conhecer...

----

Não existem estradas na vida para se caminhar ou se seguir. Fazemos os caminhos, apenas quando caminhamos, eles nascem conforme nos ousamos pela vida. Assim, não busque seguir trilhas, construa as suas...

----

Você já pensou se todo elemento fosse como um gás nobre, “independente”, estável, sem “necessidade” de ligações. De uma forma simplista, poderia dizer que as ligações químicas, as “combinações” entre elementos químicos ocorrem para “alcançarem”, os elementos envolvidos na ligação, a estabilidade eletrônica natural de um gás nobre. “Em condições normais de temperatura e pressão (CNTP), estes elementos, chamados de gases nobres, são inodoros, incolores, monoatômicos e de praticamente nenhuma reatividade química.

Socialmente, você já pensou para que servem os nobres (você já pensou naqueles humanos que se acham nobres), aqueles que se acham acima do povo, que se veem como o máximo, na verdade, para mim não precisam sequer existir. Precisamos de pessoas com reatividade humana e social, somos todos dependentes, em algum nível e necessidade, no mínimo somos dependentes da própria natureza que nos possibilitou existir e que diretamente nos suporta, não somos plenamente estáveis, necessitamos de ligações, de combinações, de diferenças. Seres humanos inodoros, incolores, monoatômicos e sem reatividade de nada servem para a realidade natural, social e humana da existência de nosso viver.

----

Eu realmente me fascino, adoro e amo como a natureza, todo o universo, a realidade, e direta ou indiretamente a ciência (que é apenas a busca do conhecimento natural) continuam a nos surpreender, dia após dia, tempos após tempos, como é maravilhoso ver a dinâmica, a "vida", e a profundidade praticamente inalcançável do que nos serve de suporte, do todo que existe, do mundo pleno natural, da natureza, do universo e quem sabe dos multversos e das múltiplas dimensões adicionais...

----

Se você procura a pessoa dos seus sonhos, continue dormindo, pessoas são reais, com virtudes e defeitos, perder tempo procurando o ideal é deixar passar a oportunidade de conhecer pessoas que podem valer muito a pena serem conhecidas...

----

A felicidade nunca baterá na sua porta. Se você espera que ela venha de fora, você ainda não entendeu a força e o significado real e natural do estar feliz, pois que se você também espera uma felicidade plena, eterna, pessoalmente só tenho a lhe dizer que nela não acredito...

----

Com todo carinho signo somente me interessou como forma falaciosa de "sedução" e "encantamento" de possíveis parceiras numa mesa de bar ou em um banco de carro, mas a vida me deu alguma maturidade e coerência humana e social, e entendi que não era justo me utilizar da fraqueza de alguns para atingir interesses pessoais, e desde esta data, esta abordagem nunca mais foi por mim utilizada. O signo de quem quer que seja nunca me interessou, me interessa saber quem ela tenta ser, quem ela consegue ser, e a onde ela deseja chegar sendo...

----

Quanto mais você se empenha e se compromete em ser uma pessoa algo mais humana, mais social, mais natural, mais comprometida com o bem querer a todos, nada garante que você se cercará de pessoas também cada vez mais humanas. Mas e daí, você não escolheu este caminho para se cercar de "santos", mas você pode ter a certeza que no mínimo estará servindo de provocação e/ou exemplos para alguns deles, ou quem sabe até muitos deles...




#ateu
#ateuracional
#livrepensar
#ateuracionalelivrepensar
ateu
ateu racional ateuracional
livre pensar   livre pensador   livre pensadores

Sou um ateu racional e um livre pensador, ou melhor, eu sou um ateu que tenta ser (que se compromete a ser) racional e livre pensador

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Livre arbítrio

Apenas uma teoria? Como muitos podem ser tão ingênuos, doutrinados ou interesseiros

Nem sempre o verdadeiro há de ser real

Absurdos e atrocidades